.Como montar seu set de tecnologia

Maio 3, 2010 at 2:02 pm 4 comentários

Daê que eu peguei em escrever coisas de tecnologia. Como já falei, sou GeEEEeeeEEEeÉK. E, como fissurado em tecnologia, devoro tudo de conteúdo sobre essas coisas. Acabo virando o consultor de tecnologia da galera. Pois bem, certa vez um conhecido meu me perguntou: -Como eu faço para descobrir a melhor tecnologia para mim? Minha resposta seria algo como “te vira negão, foi assim que eu fiz!”, mas não era esse o objetivo da pergunta dele: ele queria mesmo era saber o que eu recomendava para ele ter como set de itens tecnológicos armazenados em casa.

Pois bem, irei listar aqui os tipos mais comumente usados em tecnologia, como um guia para você saber o que realmente quer – ou precisa.

Computadores pessoais
Desktops, notebooks, all-in-one, tablets ou netbooks? Cada um tem suas vantagens a seu favor, a citar:

Desktops: maior facilidade de customização. Tu consegue trocar desde a placa mãe até o gabinete da bagaça, para não citar o monitor, que pode vir a ser o que você quiser. É o mais flexível também na hora da compra: é fácil de ser montado tanto no mercado cinza (aquele impessoal, em que você compra cada peça conforme a sua necessidade) quanto no mercado comum (aqueles que as grandes marcas vendem em grandes mercados da vida, tipo Magazine Luiza ou Ponto Frio). Vou considerar que vocês não vão comprar no mercado cinza (que raramente oferece um item essencial como “GARANTIA”) e sim no segundo, ok?
Melhores marcas: No meio empresarial a HP e a Dell dominam. A melhor para as casas sempre oscila entre HP, Dell e Acer. Fuja dos Positivos; são bonitinhos, mas vagabundos. MSI, Itaútec e Toshiba, idem.
E a meu favor, sim, eu testei todas essas marcas antes de sair falando mal delas :P.

Notebooks: pra quem raramente vai precisar aumentar o poder de fogo da máquina (tipo eu) ou quer mobilidade com excelente processamento e outroas coisas a mais, um notebook é a melhor opção. Especialmente agora que eles estão com os preços quase tão baixos quanto os desktops. Tem uma série de vantagens, como ter mobilidade (experimenta levar um DESKTOP nas costas e depois me conta como foi), garantia e, quase sempre, itens de extrema confiabilidade e baixa queda de preço na hora de passar o bicho pra frente. As desvantagens ficam por conta do conforto, uma verdadeira pedra no sapato das montadoras: se você compra um notebook de 17 polegadas (um verdadeiro TRAMBOLHO de se levar nas costas), o desafio vai ser diminuir o peso dele (que sempre oscila entre 4~7 kgs. Imagina levar isso tudo nas costas, todo santo dia). Se for um desktop-replacement (os de 15 e 14 polegadas, a saber), o desafio vai ser aliar baixo peso x conforto da tela x teclado (que sempre fica com 90% do tamanho de um teclado normal, com uma baixa curva de adaptação). Se for um thin-model (13 e 12 polegadas), vai ter problema no teclado.
Geralmente eu recomendo a pessoa comprar um de 14 polegadas, ou um de 15, SEM a bateria extendida. A vantagem que os notebooks levam em cima de qualquer desktop é o excesso de conexões: pelo menos 2 usbs nativas, webcam, leitor de cartão de memória, 2 saídas de video (isso em um desktop costuma encarecer o preço…), o wi-fi (além da rede cabeada normal) e o trackpad. A principal desvantagem: se vc usar demais ele no colo, vai perceber que alguns pontos da sua perna irão FRITAR. Todo notebook esquenta, e MUITO, em relação ao deskop. E piora quando diminui até as 12”.
Melhores marcas: Dell (é a campeã mundial de vendas, e não é a toa…), HP (que tem a linha Pavilion, linda, funcional, cara e com baixa duração de bateria), Acer (com o melhor custo benefício) e os Apples, mas esses são caros demais e eu sempre falo pra comprar um usadão mesmo. Vem com a mesma garantia, mesmo sistema operacional e mesmo hardware que os mais novos. É sério.

Netbooks: estes aqui priorizam a mobilidade em detrimento do processamento. Os mais novos ainda conseguem algum desempenho razoável, mas não tente usar esses pequeninos para jogar, va lá, HALO 3. Não vai rolar. Tem a pior desvantagem do notebook: pouco conforto, tanto visual quanto ergonômico, mas vencem em matéria de peso e de duração de bateria. As telas variam de 7 polegadas (PEQUENO) a 12 polegadas (razoável)
A primeira vez que eu mexi em um desses na minha vida eu fiz a bateria durar 16 horas FORA da tomada ;)
É recomendado para quem costuma viajar muito e não pode levar tanto peso assim na bagagem, e para estudantes em geral. Substituem bem um caderno, podem ter trocentos livros dentro dele e ainda acessam o google, olha só.
Tem todas as conexões do notebook normal (tirando uma ou outra supérfula, como HDMI, S-Video e bluetooth) e webcam também. Mas, como eu disse, não espere poder fazer muito com eles. Sabe aquele pczão de 2000, com um p3 e 512mb de ram? É a mesma coisa.
Melhores marcas: Asus (a linha EEEPc foi pioneira e abriu esse mercado), Apple (aquele MacBook Air é o tesão dos tesões para mim) e Dell (dá pra fazer Hackintosh neles :D )

All-in-one:
Desktops vitaminados que são tão fechados quanto um notebook e com tanto poder de processamento quanto um desktop normal. E tem touchscreen. É tudo que você precisa saber.
Melhores marcas: Apple (a pioneira nisso, com os iMacs), HP e Acer.

Tablets:
Sempre existiram dois modelos: desk-tablet (mesas digitalizadoras, próprias para designers) e note-tablets (que são notebooks com a tela touchscreen e que pode viram uma mesa digitalizadora). Seguem os mesmos preceitos do notebook, mas são um pouco mais pesados em relação ao seus pares. Um notebook de 14 polegadas tem em média um peso de 2,5 kgs, um note-tablet tem peso de 3 kgs.
Há um novo item aqui: iPad. Como já disse aqui, não recomendo você comprar um quando, com 500 reais a mais, você consegue um notebook decente. E, álias, o preço do ipad no brasil é de R$3.000,00. Um notebook decente custa R$2.000,00 ;)

Celulares, smartphones…
Sempre fica aquela dúvida: compro um iphone, um nokia xpress music, um samsung que edita documentos do world… qual? Bem… celulares se dividem, basicamente, em 3 tipos
Dumpphone
Os celulares mais básicos. Mandam SMSs, recebem ligação e, se muito, sintonizam rádio. A bateria deles duuuuuura, por terem apenas funções básicas.
Recomendo para velhinhas que não tem afinidade com tecnologias novas ou para você poder monitorar seu filho, caso você seja um pai/mãe neurótico sem grana para contratar um detetive particular e ver aonde esse pirralho anda quando você não está olhando.

Multimídia
Tiram fotos, tocam música, trocam dados via bluetooth e alguns até acessam MSN sem planos de dados adicionais. Costumam ter rádio e cartão de memória também, aonde você pode instalar trocentos joguinhos e/ou ebooks e programinhas extras. Eu tive vários desses antes de ter um iphone, e os únicos que valeram a pena foram os da Sony Ericsson (que é CARA PRA CARALHO no Brasil) e a Nokia (que é muito popular por essas bandas). Alguns modelos de celulares podem até prestar para editar documentos, mas continuam sendo um celular multimídia.
Melhores marcas: Sony Ericsson, Nokia e Samsung. LG e Motorolla cagam no pau bonito aqui.

Smartphones
Os telefones de gente grande. Fazem de um tudo, desde controlar seu computador via VNC até ftp de arquivos nativamente. Pena que você não consegue nenhum por menos de mil reais, e é burrice pegar um desses sem conseguir um bom plano de dados. O que uqer dizer que, para ter um desses, você vai precisar desembolsar a grana do celular + 50 reais ao menos pelo menos.
Eu disse que eram telefones de gente grande, não disse?
Edição de documentos da suíte Office, leitor de PDF, integração com email, GPS, câmeras com algumas funções e alguns até fazem café… como já disse, podem fazer de quase tudo;
Só valerá a pena comprar se você tiver certeza qeu vai tirar pelo menos 90% do potencial do bicho, e me refiro a responder emails em viagens longas, editar arquivos remotamente na fila do banco e outras coisas a mais.
Melhores marcas: RIM, Apple e Nokia. Passsou dessas três, é furada.

E calma que ainda tem mais itens. Como eu disse, é um SET de tecnologia, e não “dicas para comprar seu notebook” :P

Headphones, buddyphones e in-ear
Fones de ouvido são uma maravilha de deus. São a definição de alta tecnologia: diminuem um item básico e ainda mantém todas as suas funcionalidades. Ou você prefere plugar uma caixa de som no seu mp3 player e sair com aquilo nos ouvidos no meio da rua?

Não, né?
Fones de ouvido são esssenciais, especialmente quando você fica ouvindo música na fila do banco ou tentando se concentrar no trabalho. Nada melhor do que ouvir música sem se incomodar com o mundo à sua volta.
Estes também se dividem em 3
In-ear
Sabe aqueles fones de ouvido que se popularizaram nos anos 80 com o walkman? Álias, se você não sabe o que é um  walkman, dê um tapa em si mesmo e agradeça a Sony; se não fosse por ela, não teríamos um mercado de música “portátil” e não surgiriam iPods e MP3 players. ENTÂO, voltando ao assunto, In-Ears são os fones de ouvido padrão, cujo preço varia de R$5, 00 até RS300,00. São uma bosta, na minha opinião, pois alargam FUDIDAMENTE o canal auditivo e deixam todo o som de fora entrar nas tuas orelhas, praticamente implorando para você aumentar o volume do seu gadget tocador de música e ficar surdo o mais precocemente possível. Pra não contar que seus auto-falantes arrebentam fácil…
Mas se você preferir um desses, compre os da Philips. Custam em média 20 conto e duuuuuuraaaaaaaaaaaaam. A Sony também é boa, são mais confortáveis que a Philips, BUT, não tem um som que justifica o preço elevado (cujo original custa em torno de 50~200 coroas do rei.

Earbuddys / Buddyphones
manja aqueles fones pequeininhos, de ponta de silicone, que você enfia DIRETO no canal auditivo?
Então…
Eles conseguem ser melhor e pior que os in-ear.  Tem a vantagem de abafar o som de fora mecanicamente e terem uma melhor qualidade sonora em relação aos in-ear. A desvantagem é que podem causar surdez precoce e ainda conseguem alargar ainda mais seu canal aduditivo / empurrar a cera auditiva p/ dentro do ouvido.
Alguns cuidados básicos:
-Cuidado com o som alto, essas porras injetam o som DIRETO no seu ouvido. Podem causar a surdez precoce e sem ter maneiras de evitar isso;
-Sabe a borrachinha de silicone? Tem que trocar ela a cada 6~9 meses. Dependendo da quantidade de cera do seu ouvido, até menos. E TEM que ser trocada, para evitar infecções auriculares.
-Tirar esses troços do ouvido regularmente ajudam a evitar o alargamento do canal auditivo.

Headphone
São os fones de ouvido de gente grande.  Sempre ficam do lado de FORA do ouvido, cobrindo a orelha inteira, e evitando barulhos externos e que você foda seu canal auditivo ao mesmo tempo. O preço desses aqui é realmente variável, desde os de R$20,00 (da CORBY, acho) até 2.500 (da BOSSE, a marca de luxo e que justifica o preço).
Alguns modelos contam com microfone, deixando você parecendo um operador de telemarketing, mas esse eu não gosto nem um pouco. Prefiro usar o microfone do notebook mesmo :P.
Melhores marcas: Phillips, Sony e se você tiver culhões, os da Bosse.

Mouse
Pegue um básico mesmo. Você  não precisa ter trocentos botões em um mouse, exceto se você seja um super-executivo que precise de acesso rápido a 500 itens. O seu só vai precisar ter o scroll, no máximo, um scroll lateral também.

Teclado
O multimída padrão. Se você souber usar em conjunto com a tecla F(n), você vai acelar o acesso a tudo que você realmente usa. Se você usar um notebook e não tiver preocupado com ergonomia (quem está hoje em dia mesmo?) nem precisa se preocupar com esse.

Conexões, conexões, conexões…
Conexão com a internet, com a HDTV, conexão bluetooth entre seu celular e conexão cabeada… São tantas as formas de se ficar conectado que dá até preguça de listar.
Mas claro que o objetivo aqui é esclarecer qual conexão escolher ;D

Wifi
Conexão WiFi é uma coisa linda de deus, e como diz a propaganda da intel: “sem fios, e conectado”. É especialmente útil ter uma dessas em casa quando você possui qualquer aparelho que utilize esse tipo de conexão (espertofone, notebooks, netbooks, all-in-one e tablets). Só que como tudo na vida tem um “mas”, é melhor você se preparar para configurar um. Não é difícil configurar o roteador wi fi, tem instruções de como fazer no manual dele mesmo, e é relativamente seguro, DESDE QUE você faça um mac address filter (ou seja, você cadastra os números e letras que identificam sua placa wi-fi, ou de rede) E coloque senha por wpa2+AES. Sua rede wifi fica praticamente inviolável, indestrutível e impenetrável.

Só tome cuidado de nunca clicar no link fotos_da_festa.zip.src ok? ;)

Atente também ao alcançe da sua rede wi-fi. Temos 4 padrões: a / b/ g/ n.
Se ele suporta o padrão g, suporta o b; se suporta o n, suporta todos os outros; e se suporta o b, não suportará os seguintes.
Então atente a comprar um pelo menos no padrão g, que tem uma melhor taxa de transferência em relação ao b e tem uma melhor relação custo x benefício.
Melhores fabricantes: D-LINK e TP-Link. Eu tenho em casa o segundo e coloquei na casa da namorada o primeiro. Ambos tem todas as opções de segurança e tem o padrão vigente (g/n) com um baixo custo (cerca de R$80 real)

Rede Cabeada
Mas claro que você pode perfeitamente comprar um dumbphone e um desktopzão mesmo. A rede cabeada é a melhor pedida. Segue o mesmo padrão de configuração do wi fi (ou seja, pluge os dados e leia a porra do manual), mas tem a vantagem de ter taxas de transferências maiores.

Conexão Bluetooth
É uma porcaria. E só presta pra gastar bateria e/ou fazer adolescentes trocarem ringtones irritantes (que por mim seriam abolidos de qq mídia desse mundo) e pornografia.
Mas fazer o que, tem gente que usa isso pra conexão com fone de ouvido. Todo caso, até valem a pena, mas é uma putaria para você conectar um fone de ouvido bluetooth com seu celular e depois parear ele com seu computador que simplesmente me cansa.
Prefiro os headphones mesmo. Nada mata mais que a simplicidade de apenas plugar o fone e sair usando.

Infravermelho
POR INCRÍVEL QUE PAREÇA, ele ainda é usado, mas apenas para controles remotos. E sempre vem de fábrica com aquele computador que tu comprou para servir de midia store na sala.. ^^

3G
Até que é legalzinho, mas só se você navega pelo celular, em que o tráfico de dados é pequeno (e você precisa, sei lá, responder um email no meio de uma viagem).
Pena que o preço dos planos de dados disso no Brasil garantem seu suicídio financeiro se sua renda não for maior que R$1500 :(

Conexão Satelite
Só pegue uma se você for um mega-rico nadando na grana. E se você fosse mesmo, nem ia se dar ao trabalho de ler esse texto.

Considerações finais
Teje claro que isso é um guia básico. BÁSICO, CACETA. Eu mesmo levei anos pra conseguir pelo menos metade dessas coisas, e nem é o meu set definitivo (ainda falta um macbook e mais meia dúzia de smartphones).
Monte o seu com parcimônia, também. Avalie o que você realmente vai precisar, por exemplo, no caso dos celulares: você tem necessidade de ficar conectado 90% do seu tempo acordado? Não, certo? Então não precisa comprar um smartphone, pegue apenas um mídia fone comum mesmo. Por exemplo, pra maioria da grande população, um iPod Touch já resolve todas as necessidades. O iPhone só é o irmão mais velho e turbinado, com itens que você não precisa (GPS? Qualé, quando você tiver REALMENTE perdido nem o sinal do rádio vai chegar lá…)
A dica básica é pesquise, pesquise muito, peça a opinião do povo, veja o que você vai realmente precisar e aí parta pra compras.

Boa sorte.

Gbatista

Advertisements

Entry filed under: Tecnologia. Tags: , , .

Nosso Lar – Espectativas sobre o filme (ou não). .Beatles Num Céu de Diamantes

4 comentários Add your own

  • 1. VH  |  Maio 4, 2010 às 5:26 pm

    O próximo guia vai ser algo do tipo “como ganhar a mega-sena de fim de ano”?

    Responder
  • 2. _g  |  Maio 4, 2010 às 5:31 pm

    Nope, vai ser “como ficar rico” mesmo ;P

    Responder
  • 3. Apple Laptops  |  Maio 5, 2010 às 2:57 am

    Expect hordes of people especially at the Museu Picasso and on Las Rambles. Apple Laptops

    Responder
  • 4. jp  |  Maio 5, 2010 às 2:00 pm

    rá, muito bom o post!
    vô manda isso aqui pro meu pai, pa para de me pergunta as coisas…

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 20 outros seguidores


%d bloggers like this: