.A evolução Vampiresca

Fevereiro 23, 2010 at 4:23 pm 11 comentários

Buenas tardes Nerds, Geeks e simpatizantes leitores do Moviment0. Ou não.

Eu Dr.Yuri mais nova adição do Moviment0,  trago essa  lista de filmes que descrevem a evolução dos Vampiros [pra pior claro]

Começando por Nosferatu que foi a primeira filmagem do clássico de Bram Stoker realizada em 1922, Nosferatu mostra um vampiro muito diferente dos que foram popularizados pelo cinema ao longo dos anos. O vampiro desse filme não tem nada de galã sedutor, era de se dar pena.

As coisas começaram a Mudar a partir de 1931 com Drácula de Bela Lugosi foi a partir daí que se estabeleceu o Vampiro Moderno, sofisticado e Galanteador, transformando eles de meros monstros para criaturas atraentes. Alguns anos depois em 1958 houve uma regravação do Drácula feita pelo Christopher Lee[sim o Saruman] que assumiu o papel do Vampiro mais famoso da história.

Em 1974 apareceu o filme As Filhas de Drácula que vieram junto com uma enxurrada de filmes bizarros nessa época tais como Vampiros ETs e Lésbicas, esse filme sofreu Vários cortes em vários países, devido a Libertinagem das cenas.

Em 1987 surgiu um filme que está entre os meus favoritos quando se fala de filmes de vampiros, que foi o Garotos Perdidos (The Lost Boys) que não trouxe Mudanças mas foi um bom filme, Outro Filme que na minha Opinião foi Fantástico foi o Drácula de Bram Stoker lançado em 1992 e dirigido pelo renomado diretor Francis Ford Copolla.

Em 1994 saiu o filme Entrevista com o Vampiro (Interview With the Vampire) Baseado no livro de Anne Rice, conta as peripécias de Lestat e sua trupe, que inclui Brad Pitt e Kirsten Dunst em sua estreia no cinema. Ate aqui não houveram grandes mudanças, essas só começaram a aparecer a partir de 1997 com o surgimento da Buffy  A caçá- Vampiros Gatenha…..

O filme fez sucesso e deu origem a série de TV de mesmo nome, onde aparece a figura do vampiro bonzinho que não mata ninguém e caça seus semelhantes, podemos dizer que a Buffy foi responsável pelas porcarias que vemos hoje mesmo que o empurrão dado pela série tenha sido involuntário, eu lembro que assistia essa merda só por causa da atriz….

O martírio da humanidade começou em 2008 com as adaptações de Crepúsculo/Lua Nova/ Eclipse baseados nos romances de Stephenie Meyer, Crepúsculo é o fundo da fossa dos filmes de vampiros, com suas criaturas sem Graça nenhuma e que brilham ao sol ao invés de morrer, e lobisomens que não são Lobisomens.

A legião de adolescentes acéfalas, histéricas e Balzaquianas mal-amadas com síndrome de Cinderela é imensa,

Em 2009 Saiu um filme Chamado Daybreakers, um filme bom em meio

as porcarias lançadas no gênero, estrelado por Ethan Hawke, Willem Dafoe e Sam Neil, conta a história de um futuro em que a maior parte do mundo é vampiro e os humanos restantes são guardados em fazendas de sangue, meio Matrix mas o filme é bom…

E tem ainda as séries que tem passado na TV Sobre Vampiros que tambem surgiram de livros, uma delas é True Blood.

Série baseada nos livros de Charlaine Harris, em que os Vampiros saem do anonimato e se expõe a sociedade graças a criação de uma espécie de sangue sintético, a série fica em volta de Sookie stackhouse e suas aventuras amorosas[a série apela muito pro erotismo] e conflitos com outros seres sobrenaturais, esses livros tem desde Bacantes, lobisomens, Exorcistas, e fadas, sim fadas, pelo menos nesses livros os vampiros não brilham….

A outra série que tem feito sucesso nos Estates é a Vampire Diaries

Uma série nova que é baseada nos Livros de Lisa Jane Smith, que contam a história de Elena uma adolescente órfã que se vê em uma relação com dois irmãos vampiros, parece um saco não parece mas os livros não são de romance, mas sim terror.

Só nos resta esperar que salvem essa gloriosa raça de seu futuro Emo….

Namastê e até a próxima…ou não…

Dr. Yuri

Buenas tardes Nerds, Geeks e simpatizantes leitores do Moviment0…ou não….Eu Dr.Yuri mais nova adição do Moviment0,  trago essa  lista de filmes

que descrevem a evolução dos Vampiros [pra pior claro]

Nosferatu
Começando por Nosferatu que foi a primeira filmagem do clássico de Bram Stoker realizada em 1922, Nosferatu mostra um vampiro muito diferente dos que foram popularizados pelo cinema ao longo dos anos. O vampiro desse filme não tem nada de galã sedutor, era de se dar pena.

As coisas começaram a Mudar a partir de 1931 com Drácula de Bela Lugosi foi a partir daí que se estabeleceu o Vampiro Moderno, sofisticado e Galanteador, transformando eles de meros monstros para criaturas atraentes. Alguns anos depois em 1958 houve uma regravação do Drácula feita pelo Christopher Lee[sim o Saruman] que assumiu o papel do Vampiro mais famoso da história.

Em 1974 Apareceu o filme As Filhas de Drácula que vieram junto com uma enxurrada de filmes bizarros nessa época tais como Vampiros ETs e Lésbicas, esse filme sofreu Vários cortes em vários países, devido a Libertinagem das cenas.

Em 1987 Surgiu um filme que está entre os meus Favoritos quando se fala de filmes de vampiros, que foi o Garotos Perdidos (The Lost Boys) que não trouxe Mudanças mas foi um bom filme, Outro Filme que na minha Opinião foi Fantástico foi o Drácula de Bram Stoker lançado em 1992 e dirigido pelo renomado diretor Francis Ford Copolla.

Em 1994 saiu o filme Entrevista com o Vampiro (Interview With the Vampire) Baseado no livro de Anne Rice, conta as peripécias de Lestat e sua trupe, que inclui Brad Pitt e Kirsten Dunst em sua estreia no cinema. Ate aqui não houveram Grandes mudanças, essas só começaram a aparecer a partir de 1997 com o surgimento da Buffy – Acaçá Vampiros Gatenha…..

O filme fez sucesso e deu origem a série de TV de mesmo nome, onde aparece a figura do vampiro bonzinho que não mata ninguém e caça seus semelhantes, podemos dizer que a Buffy foi responsável pelas porcarias que vemos hoje mesmo que o empurrão dado pela série tenha sido involuntário, eu lembro que assistia essa merda só por causa da atriz….

O martírio da humanidade começou em 2008 com as adaptações de Crepúsculo/Lua Nova/ Eclipse baseados nos romances de Stephenie Meyer, Crepúsculo é o fundo da fossa dos filmes de vampiros, com suas criaturas sem Graça nenhuma e que brilham ao sol ao invés de morrer, e lobisomens que não são Lobisomens.
A legião de adolescentes acéfalas, histéricas e Balzaquianas mal-amadas com síndrome de Cinderela é imensa,

Em 2009 Saiu um filme Chamado Daybreakers, um filme bom em meio as porcarias lançadas no gênero, estrelado por Ethan Hawke, Willem Dafoe e Sam Neil, conta a história de um futuro em que a maior parte do mundo é Vampiro e os humanos restantes são guardados em fazendas de sangue, meio Matrix mas o filme é bom…

E tem ainda as séries que tem passado na TV Sobre Vampiros que tambem surgiram de livros, uma delas é True Blood.

Série baseada nos livros de Charlaine Harris, em que os Vampiros saem do anonimato e se expõe a sociedade graças a criação de uma espécie de sangue sintético, a série fica em volta de Sookie stackhouse e suas aventuras amorosas[a série apela muito pro erotismo] e conflitos com outros seres sobrenaturais, esses livros tem desde Bacantes, lobisomens, Exorcistas, e fadas, sim fadas, pelo menos nesses livros os vampiros não brilham….

A outra série que tem feito sucesso nos Estates é a Vampire Diaries

Uma série nova que é baseada nos Livros de Lisa Jane Smith, que contam a história de Elena uma adolescente órfã que se vê em uma relação com dois irmãos Vampiros, parece um saco não parece mas os livros não são de Romance mas sim Terror.

Só nos resta esperar que salvem essa gloriosa raça de seu futuro Emo….

Namastê e até a próxima…ou não…

Anúncios

Entry filed under: Anti-Cultura, Filmes, Séries. Tags: , , .

.Por que eu não pego ninguém? .Lunar, por Pulga

11 comentários Add your own

  • 1. Ingrid  |  Fevereiro 24, 2010 às 7:15 pm

    De todos esses filmes e seriados com vampiros, eu gosto mesmo é de True Blood.
    Legal o post. :)))))

    Responder
  • 2. gleerika  |  Fevereiro 24, 2010 às 7:47 pm

    É verdade, o ‘martírio da humanidade’ também não suporto Crepúsculo.
    É incomparável com esses filmes antigos ;)

    Responder
  • 3. Pulga  |  Fevereiro 24, 2010 às 8:24 pm

    Vampiros!

    Tinham ótimas histórias. Mas aí transformaram toda uma mitologia em romances adolescentes. Triste demais…

    Não assisti Nosferatu, mas já ouvi falar. Essa aparência sim é a de um vampiro from hell. Mas filme mesmo que eu gostei foi o Drácula do Copolla ´´e muito bom. Aquela sim é a imagem perfeito do Drácula.

    Enfim, aproveitando o post, deviam mesmo fazer filmes sérios com o Frankenstein. Nada de monstro verde bobinho, estou falando de uma adaptação levada a serio, como o dracula do ford copolla que ja disse e o lobisomem que esta no cinema. A propósito, pela rápida pesquisa que fiz, o Del Toro vai fazer o do Frankenstein! Yay!

    Voltando ao assunto vampiros, só para fechar aqui, tem o filme completo do nosferatu no youtube, para os interessados (alguem realmente vai assistir?) :

    Responder
  • 4. Douglas Silva  |  Fevereiro 25, 2010 às 3:10 am

    “”Tinham ótimas histórias. Mas aí transformaram toda uma mitologia em romances adolescentes. Triste demais…””

    Verdade, eu gostava muito dos filmes sobre vampiros, mas tudo virou uma palhaçada só. Antigamente eles saiam somente no escuro, agora eles podem sair no sol e até brilham como diamantes – Tem coisa mais ridícula que isso?

    –‘

    Responder
  • 5. gbatista  |  Fevereiro 25, 2010 às 5:45 pm

    Eu sou o único que vê vantagens nessa história de popularização dos vampiros, ainda que emos?

    Quero dizer… vampiros, ao contrário de outros mortos vivos, sempre foram usados para mostrar o que a humanidade tem de ruim. Sempre foram eles quem conquistavam, sempre foram eles quem assassinavam, eram eles quem incentivavam os outros ao sexo (em algumas histórias…) e por aí vai. É assim desde lord Byron.

    Em suma, vampiros são usados para mostrar o lado ruim e negativo da humanidade, sempre refletindo as piores partes da sua época. Por isso temos vampiros metrossexuais vegetarianos e frescos :)

    De qualquer forma, achei interessante essa história do crepúsculo e tals. Não que eu gostei, só achei diferente do convencional mesmo.

    Responder
  • 6. gbatista  |  Fevereiro 25, 2010 às 5:47 pm

    Ademais, eu acho a autora desse livro a maior publicitária ever.

    Ela conseguiu, em apenas 3 livros, foder com toda a imagem dos vampiros, que levaram séculos para criar uma aura assustadora

    Sad :(

    Responder
  • 7. Horla  |  Fevereiro 26, 2010 às 1:50 pm

    Gostei de apenas 2 filmes de vampiros: Nosferatu e Fome de Viver (“The Hunger” no original).

    Em Fome de Viver David Bowie e Catherine Deneuve formam um casal de charmosos vampiros que descobrem que a vida eterna que buscavam não é tão eterna assim afinal. Com a possibilidade da morte cada vez mais próxima resolvem procurar um meio de suspender o envelhecimento, justamente o que uma pesquisadora (Susan Sarandon) pretende desenvolver.

    Esse filme é recheado de erotismo. Em muitas cenas a luz parece manter tudo suspenso numa atmosfera etérea de serenidade e solidão ao mesmo tempo. A trilha sonora foi muito bem escolhida e completa o tom de devaneio. As cenas que os vampiros caçam num night club ao som de Bauhaus e que Deneuve seduz Sarandon e a leva para cama são antológicas.

    Outro filme que parece valer a pena é “Vampyr”, de Carl Theodor Dreyer, mas esse eu nunca assisti.

    http://olugardosangue.blogspot.com/2010/02/vampyr-der-traum-des-allan-grey-carl-th.html

    Responder
  • 8. Horla  |  Fevereiro 26, 2010 às 1:59 pm

    E aos interessados em vampirismo vai ai uma dica: Esses dias comprei um livro chamado “O Vampiro Antes de Drácula”. Como o nome sugere, o livro trás uma seleção de contos de vampiros escritos antes que o Bram Stoker imortalizasse a figura do vampiro no imaginário popular.

    O livros trás contos de autores como Lord Byron, Allan Poe, Alexei Tolstoi, Alexandre Dumas e H. G. Wells entre outros. O livro apresenta o vampiro como sendo qualquer ser ou coisa que drene a energia vital de uma pessoa, nem sempre ele é humanóide e nem sempre drena a energia através do sangue, e definitivamente não tem nada a nada a ver com vampiros adolescentes gays.

    Eu comprei meu livro no site da Saraiva e chegou aqui em 2 dias. :P

    Responder
  • 9. Tokkusuhikuman  |  Março 7, 2010 às 5:32 am

    Vampiros não brilham.

    Responder
  • […] escrever sobre imortalidade de uma maneira superior à da Meyer-Vampiro-Brioso? Lá vão minhas […]

    Responder
  • 11. .Porque devemos assistir True Blood « O Movimento  |  Maio 20, 2010 às 10:07 pm

    […] Conheci True Blood logo depois do surto Crepúsculo, e passei muito tempo adiando ver essa série, porque estava com a impressão de que seria mais uma humilhação aos vampiros. […]

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 20 outros seguidores


%d bloggers like this: