.Irracionalidade, um caminho perigoso

Dezembro 29, 2009 at 12:24 am 15 comentários

Boa noite meus bons nerds e não-nerds!! Eu sou o novo padawan encarregado de ocupar a mente de vossas senhorias com os trâmites da sociedade. Irei abordar os temas chatos e “clicheristas” os quais ninguém quer saber mas que eu me importo. Política, religião, filosofias e pensamentos e até mesmo as novidades da novela das 8!!!

Mas vamos ao que nos (des)interessa…

Estou realmente preocupado com a degeneração completa do ser humano. Não estamos pendendo para a evolução, mas sim para a involução e tudo graças a nossa incrível capacidade de nos acomodar e assim ficar. A sociedade capitalista moderna forneceu diversos prós para o benefício do dia-a-dia de cada indivíduo, porém o homem não se mostra capaz de lidar com toda essa comodidade.

O homem aprende rápido, essa é uma das grandes habilidades que Deus nos concedeu, mas isso nos trouxe problemas demasiadamente complicados (tudo graças a nossa irresponsabilidade natural). A modernidade nos concedeu benefícios e facilidades que, ao meu ver, nós ainda não estamos prontos para o atual nível de comodidade. A humanidade tende a inércia e o homem tende a preguiça (eu sou prova disso, Deus me perdoe). Sites de relacionamento, mídia abusiva, a incapacidade do homem de reconhecer o que realmente é bom para ele, a ingenuidade, influencia da mídia e etc. Todos esses fatores já citados só servem para aumentar a futilidade e o narcisismo das massas.

O conhecimento é desvalorizado e quem o detém é ridicularizado e nada pode fazer senão contentar-se. A violência é endeusada, a vulgaridade é abraçada como irmã, a nacionalidade é obrigada a ceder seu espaço para a brutalidade e o desamor. A indústria cultura lobotomiza e a sociedade deixa-se lobotomizar. O capital substituiu a honra e a tradição, o amor.

A violência só serve como mais um motivo para aparecer, pessoas cometem crimes hediondos somente para aparecer, outras depõem em casos gravíssimos apenas para terem suas vidas expostas pela mídia. Crianças e adolescentes vem sendo mortos, e (quase sempre) do nada, tornam-se mártires, não por serem casos únicos, ou pelos meios os quais foram mortos, mas sim pelo fato de fazerem parte da nata da sociedade, onde tais casos não deveriam ocorrer. Crimes monstruosos ocorrem todos os dias nas favelas ou em locais mais isolados e humildes e ninguém se sente penalizado.

O homem está fadado ao desastre, assim como tudo que veio de suas mãos. Mas ainda há esperança. Não quero dar um ar religioso a esse post, mas todos sabem que sou cristão, amo o Senhor Jesus Criso e sou um humilde servo de Deus, então minha esperança está baseada na vinda do Senhor que um dia retornará e tudo mais irá para o raio que o parta. Sinceramente, quando o fim chegar eu irei rir, em uma gargalhada trágica.

O homem não sabe mediar os fatos, ele é sempre extremista e não compreende que, por exemplo, a divisão que há entre ciência e religião é um triste fruto do preconceito. Pode-se observar que, as grandes mentes da ciência eram pessoas ditas religiosas e ainda sim, revolucionaram o mundo em que vivemos. Quando a Igreja Romana comandava a sociedade o homem era criado com rédeas que o impediam de pensar coerentemente, mas quando essas “rédeas” foram tiradas, ele se voltou para a ciência de uma forma igualmente cega e na procura de meios de produção eficazes e baratos, ele nem ao menos se importou com o meio em que vive e hoje em dia vivenciamos as conseqüências da irracionalidade comandando a ciência.

Enfim, como pode-se observar claramente, o conhecimento pleno e a racionalidade está em saber mediar e aprender com os erros, mesmo que eles se repitam diversas vezes, mas deve-se lembrar que só existe um planeta Terra e até onde sabemos, é insubstituivel e não suportara muitos erros.

Obrigado por compartilharem e matutarem sobre o óbvio comigo, será sempre um prazer!!!

Davi/The Head

Advertisements

Entry filed under: Anti-Cultura, relações interpessoais. Tags: , .

.Feliz dia do deus Sol! .A relatividade da suposta “irracionalidade”

15 comentários Add your own

  • 1. Douglas Silva  |  Dezembro 30, 2009 às 4:01 am

    Nossa ótimo artigo, e você está com a razão quando diz que o homem está acabando com o planeta e que “a violência é endeusada, a vulgaridade é abraçada como irmã, a nacionalidade é obrigada a ceder seu espaço para a brutalidade e o desamor.”. Isso é fato e está jogada bem na nossa cara.

    O homem não está pensando, parece que a cada dia que passa ele tende a regredir humanamente ao invés de progredir. Se as pessoas se importassem mais com o mundo em si, seja meio ambiente, uns com os outros ou whatever tudo seria diferente.

    Um dia quando Deus retornar e mandar tudo para o raio que o parta eu também irei soltar gargalhadas, afinal também sou cristão. =)

    Parabéns, ótimo trabalho man!

    Obs: vocÊ tem algum banner que eu possa colocar no meu blog?

    Responder
    • 2. The Head  |  Dezembro 30, 2009 às 5:49 am

      Obrigado pelo apoio Mr. Douglas!! Tentei fazer o meu melhor, espero ter mais inspiração para os próximos posts. ^^

      r. obs: Essa pergunta eu imagino que so o Pulga-San pode responder, mas acho que logo, logo ele aparece com um banner para nossos fans e amigos… ^^

      Responder
  • 3. Rafael  |  Dezembro 30, 2009 às 3:48 pm

    Muito bom tópico
    realy

    Responder
  • 4. thedueet  |  Dezembro 30, 2009 às 3:50 pm

    ótimo post! realmente, todos erramos, afinal todos samos humanos !
    adorei o blog :D

    Responder
  • 5. Anderson G.  |  Dezembro 30, 2009 às 4:04 pm

    O ser humano insiste (em sua maioria) em usar eu conhecimento (ou a falta dele) das formas mais despresíveis… A humanidade caminha à decadêcia constante, #FATO

    Responder
  • 6. Professor Pardal  |  Dezembro 30, 2009 às 4:51 pm

    Interessante; porém relativo, muito relativo…
    continuarei essa discussão no meu tópico, foi um prazer ler um post que presta nesse blog , The Head…
    que discutamos sobre isso daqui em diante, que discutamos todas as possibilidades e referenciais possiveis…

    Responder
    • 7. Pulga  |  Dezembro 30, 2009 às 4:59 pm

      Pardal, mas vai te _____ rapaz! Haha.

      Responder
    • 8. The Head  |  Dezembro 30, 2009 às 8:34 pm

      Obrigado Professor!!! É uma honra!!! A relatividade chega a ser chata quando percebemos que tudo, exatamente TUDO é relativo no plano terreno.

      Ae Pulga, ele ta dizendo subliminarmente que seus posts são ruins!!! PORRADA!!! huauhahuauhahua… Brincadeira…

      Responder
  • 9. Carol  |  Dezembro 30, 2009 às 4:52 pm

    O homem tem essa tendência de ir para o lado ruim, vai de cada pessoa aceitar ou não, ninguém é 100 por cento bom ou ruim, todos tem seu lado negativo que se não amenizado pode transformar em algo perigoso. O homem age e depois pensa, esse é o problema.

    Beijos, Carol.

    Responder
  • 10. ibere  |  Dezembro 30, 2009 às 5:02 pm

    Achei suas reflexoes interessantes, embora muito amplas, ficou meio no ar? voce é contra oque? contra o capitalismo? contra o consumismo? ou é um incomodo geral? acho que voce devia escrever uns dez artigos a partir desse que escreveu: um sobre capitalismo, outro sobre racionalismo, ciencia versus religiao! No fundo eu nao entendi muito qual era o objetivo do post… seu blog é religioso? ou aberto a todas as crenças e filosofias ? pos voce falou que durante a idade media a igreja catolica brecou a ciencia, é que é relativamente verdade … embora se nao fossem os monges catolicos, todos os escritos de aristoteles teriam se perdido. por outro lado, quando voce fala em libertação, voce ta flando do que? religioes protestantes? mas george bush era super crente e acabou com a ciencia e so fez guerras, por outro lado ha´bons religiosos cristaos… ha bons e maus ateus… nao podemos generalizar… mas adorei ter vindo aqui e espero que goste de eu ter feito essas indagaçãoes e reflexoes… ta otimo teu blog, parabens
    Ibere

    Responder
    • 11. The Head  |  Dezembro 30, 2009 às 8:19 pm

      Certo. Primeiramente obrigado, tanto por ter usado de seu tempo para ler meu artigo quanto para apenas dar suas valiosas criticas e eu prezo muito pela opinião das demais pessoas.

      Nesse primeiro post eu tentei abordar e utilizar da imparcialidade para que, como novato nessa turma, minha imagem não fique distorcida como a de um pseudo-pensador de fundo de quintal. ^^

      Mas, como já havia dito, irei sim abordar esses temas que todos em algum momento já abordaram a tal ponto que viraram clichês mas que, se ninguém continuar questionando, irá tudo se perder com os modismos da sociedade.

      Espero ter respondido e sido feliz ao fazê-lo, obrigado mais uma vez. õ/

      Responder
  • 12. Fernanda  |  Dezembro 30, 2009 às 5:17 pm

    Realmente, o seu texto é uma dura realidade. Há tempos noto que a violência só está em alta até mesmo por causa da mídia, ser vulgar é estar na moda, se conformar é algo que já faz parte das nossas vidas…
    também sou cristã, mas no meio de tudo isso, vejo apenas o vazio. É o vazio invadindo até as nossas igrejas. Pois quem foi que disse que não existem pessoas violentadas lá dentro? Por regras… coisas que Deus nunca disse.

    Um grande abraço e Feliz 2010

    Responder
    • 13. The Head  |  Dezembro 30, 2009 às 8:25 pm

      É uma verdade irrefutável Fernanda. O Corpo de Cristo vem sido desmembrado e esquartejado pelo ódio e pela violência que rege nossas vidas, mas depende unicamente de nossa vontade para que Ele nos liberte dessa imundíce.

      Mas deve-se citar também o fato da religiosidade obscurecer a Fé. Muitas religiões que se dizem cristãs, mas na verdade são reflexos da humanização da fé e de sua posterior corrupção. Por isso que eu digo que se há uma frase no orkut que é verdadeira é essa: Mais Jesus e menos religião!!!

      Responder
  • 14. Wood  |  Dezembro 30, 2009 às 7:38 pm

    Não lerei, já assisti Idiocracy mesmo.

    Responder
  • 15. tmgfurini  |  Dezembro 31, 2009 às 2:38 am

    Vc me surpreende cabeeeça! na moral… vc escreve mto bem, cara…

    gostei das suas aplicações sobre o tema…

    abrass

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 20 outros seguidores


%d bloggers like this: